quinta-feira, 9 de julho de 2009

No doubts!


Então, dúvida cruéis. Eis o que eu passo nesse exato momento em minha vida. Sem entrar em detalhes, digo que fiz uma grande tempestade em um pequeno copo d´agua. Não que isso não seja normal para uma ariana como eu (e ainda baixinha para completar o figurino). No entanto, o que mais pertuba meu pobre ser é o receio da reação alheia diante de tais acontecimentos. A inconstância sempre fez parte da minha vida, mas eu já estou me cansando dela, SÉRIO! Ok, não devemos tomar nossas atitudes de acordo com o que as outras pessoas irão pensar sobre. Mas infelizmente eu envolvi pessoas, ó que dúvida cruel.

Tenho medo de perder a credibilidade, das pessoas virarem 'ahh, la vem ela com a mesma história novamente'... Meldels!!! Também não vou para uma ilha. Talvez eu esteja novamente tendo uma reação exagerada, mas meu amigos muito me procupam. (Vide o post Extremos na minha amiga Loira).

É isso daí, estou dividida entre meu coração e a razão. Entre a credibilidade e a não credibilidade. Sempre parti da idéia de que eu nunca deveria deixar de arriscar. Mas o que seria arriscar nesse exato momento de minha vida? Tenho muitas muitas muitas dúvidas. Queria poder adiar essa decisão, afinal de contas eu estou de férias!

3 comentários:

Karol disse...

Amiga...

Sou ariana e baixinha...te entendo as vezes..rsrs..Pra tudo há uma solução..vc explodiu mas...Nem tudo está perdido... Relaxaa....

bjuu
Karol...

Najla disse...

Amigos são sempre amigos, e prokralho quem se cansar de vc! Isso pode significar que eles não são seus amigos de fato! Realmente tem gente que não vale a pena, seja amigos sejam inimigos. Fato: amigos estão sempre por perto, independente da sua crise emblemática!(FIKADIKDEOURO!!!!)Amúhtuguriaaaa!Beijos!

Babi Freitas disse...

Affff

a vida anda foda pra td mundo, né? pqp!!!

mas eu sempre opto pela razão, senta e pensa, mesmo e friamente. o sentimento sempre traz arrependimento no fnal das contas, nao é q td na vida deva ser assim: pensado. mas em decisoes cruciais, o bom senso é sempre a melhor medida!

;)